Graduação Online: Como fazer graduação Online?

O ensino a distância (EAD) é uma forma de curso que tem feito muito sucesso entre os estudantes nos dias de hoje. Mas, mesmo fazendo sucesso, ainda existem muitas pessoas que tem dúvidas em relação a essa modalidade de ensino.

Quem busca fazer Graduação Online está atrás da facilidade, praticidade, flexibilidade e ao baixo valor de mensalidade que essa modalidade de ensino oferece. Porém, as pessoas ainda sentem receio na aceitação ao certificado de cursos EAD no mercado de trabalho.

Validade do Certificado EAD

Os certificados dos cursos de ensino a distância possuem a mesma validade que os oferecidos pelos cursos presenciais. As instituições que oferecem cursos de Graduação Online são avaliadas de forma criteriosa pelo Ministério da Educação (MEC).

Aceitação no mercado de trabalho

O ensino a distância vem conquistando cada dia mais credibilidade e muitas empresas passaram a levar em consideração candidatos com diplomas de cursos EAD. Por isso, fique tranquilo, a aceitação no mercado de trabalho é garantida.

Vantagens de se realizar Graduação Online

Existem muitas vantagens que os estudantes de Graduação Online levam em conta no momento da matrícula, confira quais são as principais delas:

  • Flexibilidade de horários;
  • Baixo custo;
  • Mesmo conteúdo oferecido pelos cursos presenciais;
  • Desenvolvimento de habilidades como disciplina e responsabilidade;

Onde e como fazer Graduação Online

Se você está convencido em fazer sua matrícula em um curso de Graduação Online, veja abaixo quais são as melhores instituições para você se matricular:

  • Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA);
  • Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL);
  • Universidade Cidade de São Paulo (UNICID);
  • Universidade de Franca (UNIFRAN);
  • Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS);

A maioria das instituições de ensino que oferecem cursos na modalidade à distância, disponibiliza do serviço de matrícula online. Para isso, basta você escolher o seu curso, preencher os dados pessoais e escolares e selecionar qual dia é melhor para pagamento da mensalidade. Após isso, basta pagar a matrícula e pronto, você já é um estudante de Graduação Online.

Cotar empréstimo: Como fazer cotação de empréstimo

Nos últimos anos tem crescido expressivamente a contratação de empréstimo online, que pode ser explicada para realizar o pagamento de dívidas. Alguns fatores, como a facilidade encontrada quando a solicitação é realizada, os juros baixos e por não haver a necessidade de justificar o destino do dinheiro tornam essa prática ainda mais atrativa. Conheça aqui três formas de cotar empréstimo na internet e encontre o melhor pra você.

1.      Instituições Privadas: Bancos

De conhecimento comum, os bancos apresentam a prestação de vários serviços financeiros, inclusive empréstimos. Alguns deles apresentam em suas páginas a opção de cotar empréstimos online, e a facilidade de não solicitar informações pessoais ou um cadastro prévio.

As únicas informações necessárias são: o valor que deseja receber, em quantas parcelas quer pagar o empréstimo e o vencimento das parcelas (ou dá parcela). Após passar essas informações, o simulador informa o valor total do imposto, a taxa de juros remuneratória, anual e mensal, e o Custo Efetivo Total, conhecido como CET.

2.      Entidades Privadas: Financeiras

O único objetivo destas entidades é oferecer empréstimo e crédito, e tendem a ter taxas de juros mais elevadas do que os bancos, mas em compensação apresentam mais agilidade para aprovar o pedido. Para cotar empréstimo em uma delas, é preciso realizar um cadastro, que solicita informações básicas, como nome, e-mail e CPF, além de informar o quanto você deseja retirar, e em quantas parcelas pagar.

3.      Páginas Online

Existem páginas online que tem o único objetivo de comparar o valor do CET entre bancos e financeiras. As informações solicitadas para cotar empréstimo são o valor que deseja receber e o prazo para pagá-lo, basicamente. Em seguida, apresentará comentários referentes a instituição em questão, o valor do Custo Efetivo Total e o caminho para a solicitar o empréstimo.

Máquina de cartão: 3 dicas para decidir qual máquina escolher

A forma de comprar mudou radicalmente se compararmos a 15 anos atrás. O dinheiro em papel está em desuso no mundo inteiro e o cartão é a forma mais segura e prática de fazer uma compra. Atualmente, existem tecnologias que estão em uso e no futuro poderão substituir até mesmo os cartões físicos.

Então, um comerciante que quer atrair clientes e não perder nenhuma venda, precisa estar de olho nas tendências no mercado e as preferências no modo de pagamento de seus clientes. Para isso, é essencial que no seu negócio tenha uma máquina de cartão. É por esse motivo, que separamos para você algumas dicas para você decidir qual máquina escolher.

3 dicas para decidir qual máquina escolher

Disponibilidade de bandeiras

Se o seu comércio recebe uma quantidade grande de consumidores, é bem provável que as bandeiras utilizadas por eles sejam diferentes, então um diferencial que você pode oferecer é a aceitação do maior número de opções que seja possível.

A quantidade de clientes não deve ser a única forma analisada, você precisa analisar o fluxo de clientes e verificar qual a preferência de cada um deles.

Forma de aquisição da máquina de cartão

Existem diversas opções de máquinas de cartão no mercado, quando você começar a procurar, você vai ver que existem equipamentos que são vendidos e outros que são alugados. Então, você precisa ver qual a característica da sua empresa para escolher qual opção é melhor a seu negócio.

Taxas por transação

As taxas de transações cobradas pelas operadoras de máquinas de cartão é um ponto que você deve avaliar com bastante atenção. Isso porque, existem empresas que cobram pouco pelas suas máquinas, mas as taxas de transações são muito altas, então, você deve fazer uma análise criteriosa para saber o que compensa mais para a sua empresa.

Simulação Empréstimo: Como fazer simulação de empréstimo

Quem nunca passou por uma emergência financeira e precisou fazer uma simulação de empréstimo? E atualmente fazer essa simulação de empréstimo se tornou muito mais fácil com a internet.

Você não precisa mais se deslocar até uma agência bancária ou a uma empresa financeira. A simulação de empréstimo pode ser feita do seu computador ou até mesmo do seu aparelho de telefone celular.

Fazendo uma simulação de empréstimo

Há alguns passos a seguir, bastante simples, para você fazer a simulação de empréstimo e optar por melhores taxas e condições.

Você pode começar pelo home banking do banco onde você tem conta corrente.  Maioria das instituições bancárias dispõe de opções de simulação de empréstimo dentro da área pessoal do correntista.

Verifique as taxas de juros, condições, números de parcelas e outros detalhes da transação. Estando de acordo com o empréstimo, você, geralmente, já pode solicitar pelo home banking mesmo.

Outra forma é fazer a simulação em sites que reúnem diversas instituições financeiras. Você preenche alguns dados, como:

  • Nome completo;
  • CPF;
  • Endereço;
  • Contatos;
  • Renda; entre outros.

Depois de realizar a simulação do empréstimo, que lhe mostrará todas as opções, contendo valores e condições, você pode ou não ter seu pedido aprovado. Caso o seu empréstimo seja liberado, o dinheiro cairá diretamente na sua conta-corrente.

Vale salientar que, normalmente, esses empréstimos solicitados pela internet debitam as parcelas diretamente da conta-corrente. Em outros casos, você poderá fazer o pagamento por boleto bancário.

Atenção na hora de fazer a simulação de empréstimo

Realizar uma simulação de empréstimo é realmente muito fácil. No entanto, é preciso se atentar a alguns detalhes antes de contratar esse serviço, como:

  • Taxa de juros;
  • Dia do vencimento;
  • Cláusulas do contrato;
  • Montante que deverá ser pago; entre outros.

 

 

Veja tudo sobre o seguro viagem para o Chile

Imprevistos acontecem, acidentes pessoais e problemas de saúde não chegam com hora marcada e durante viagens estamos expostos a outros riscos de atrasos, cancelamentos, perda e extravio de itens pessoais. Imagine ter que lidar com isso em outro país e em outra língua? Para essas horas recorrer a um seguro viagem podem evitar dores de cabeça e prejuízos financeiros.

 

Veja nesse artigo as modalidades, custos e como contratar um seguro viagem para o Chile.

 

O que é seguro viagem?

Os seguros viagem são serviços de assistência a viajantes que visam cobrir custos relacionados a acidentes, doenças, extravios de bagagem, repatriação, entre outros. Cada apólice tem um valor de cobertura, ou seja, um valor máximo que a seguradora irá ressarcir o viajante no caso de imprevistos.

 

As apólices são contratadas pelo viajante para o período específico da viagem. Durante este período ele pode entrar em contato 24 horas com a seguradora, solicitando auxílio caso ocorra algum dos imprevistos cobertos na apólice.

 

O seguro viagem para o Chile é obrigatório?

Ao contrário dos países Europeus, por exemplo, que exigem o seguro viagem de brasileiros na imigração. Para entrar no Chile não é exigido seguro viagem.

 

Então por que contratar o seguro viagem para o Chile?

Em viagens internacionais normalmente com diversas conexões entre os voos, estamos sujeitos a atrasos, cancelamentos e extravios de bagagem. Com o seguro viagem as consequências destes imprevistos podem ser minimizadas.

 

Além disso, caso você precise de atendimento médico de emergência no Chile, você terá de desembolsar um bom dinheiro. Principalmente se sua intenção for visitar o Valle Nevado ou outras pistas e tentar snowbord, você estará ainda mais exposto aos riscos.

 

Quanto custa um seguro viagem para o Chile?

As coberturas variam de seguradora para seguradora, o preço também, por isso na hora de contratar e comparar os preços esteja atento às cláusulas.

 

O valor varia de acordo com a idade do segurado, se ele irá praticar ou não esporte de aventura entre outros critérios específicos de cada seguradora. Para uma viagem de 5 dias para o Chile, o valor do seguro gira em torno de R$ 120,00 por pessoa.

 

Fiat Uno: Como ver os valores na tabela fipe

O Fiat Uno é um dos carros mais vendidos no mercado brasileiro. Seu sucesso vem desde a década de 1990 e é composto pela economia oferecida pelo motor.

Ainda existe um elevado interesse nesse modelo de carro, mesmo que usado. Os carros semi-novos são uma ótima opção para quem deseja conquistar o primeiro veículo e não possui muitos recursos financeiros.

Mas é importante lembrar que se tratando de carros semi-novos, há uma tabela oficial de valores para a revenda. Muitas vezes, essa tabela não é conhecida e negócios fora do valor de mercado podem ocorrer.

A tabela FIPE é feita pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, organização de direito privado, sem fins lucrativos que tem como objetivo apoiar importantes áreas do conhecimento.

Neste texto, você irá aprender como ver os valores da tabela FIPE Fiat Uno.

Fiat Uno: Tabela FIPE como consultar

O site da tabela FIPE é facilmente encontrado com uma pesquisa na internet.

Ao acessar, será apresentado uma tela onde é possível selecionar o tipo de veículo, a marca, o modelo e o ano.

Com essas informações, o sistema fará uma busca automática e trará os resultados. Os resultados acompanham um gráfico de histórico de valores de revenda.

É importante ressaltar que o valor apresentado pela tabela FIPE é um valor médio do mercado.

Fiat Uno: Tabela FIPE é seguro

Consultar o valor de um veículo na tabela FIPE é totalmente seguro, pois não são informados dados pessoais no momento da consulta.

Além disso, os dados contidos no site são somente para título de informação, pois cada negociação na compra de um automóvel envolve diferentes fatores.

Fiat Uno Tabela FIPE é grátis

A consulta do Fiat Uno na tabela FIPE é totalmente gratuita. Por ser feito por uma empresa que não possui fins lucrativos a ferramenta é acessível por todas as pessoas.

Vocês sabia destes detalhes sobre a tabela FIPE?

Unimed Indaiatuba: conheça as vantagens da Unimed Indaiatuba

O plano de saúde Unimed é considerado um dos melhores do Brasil, com atendimento do mais alto padrão. Sendo assim, a Unimed Indaiatuba possui a mesma qualidade e os mesmos benefícios dos planos de saúde Unimed.

O serviço de assistência médica em Indaiatuba oferece planos de saúde Individual, Familiar e Empresarial, com toda a cobertura exigida pela ANS (Agência Nacional de Saúde).

São 22 hospitais credenciados e uma ampla rede de clínicas e laboratórios que a Unimed Indaiatuba disponibiliza.

Conheça essa e outras vantagens de ter o melhor plano de saúde Unimed em Indaiatuba.

Vantagens da Unimed Indaiatuba

Ampla rede de cobertura

Como mencionado, o plano de saúde Unimed em Indaiatuba possui uma ampla rede de cobertura, contando com 22 hospitais, mais de 250 clínicas e laboratórios para consultas, exames, tratamentos e internações hospitalares. Tudo com equipamentos da mais alta qualidade e excelentes profissionais.

Medicina Preventiva

A Unimed Indaiatuba oferece a Medicina Preventiva, um programa de prevenção de doenças que conta com profissionais de diversas especialidades.

Unimed Help

O serviço Unimed Help é para quem precisa de remoção via aérea ou terrestre quando está fora do município onde reside. Além disso, os pacientes podem contar com atendimento de emergência e assistência domiciliar em todo o país.

Atendimento Unimed Campinas

A Unimed Indaiatuba faz parte do grupo Unimed Campinas. Isso significa que o paciente tem maior número de clínicas, especialistas e locais onde for melhor para seu atendimento.

Ótimo custo x benefício

Para quem suspeita que um plano de saúde como esse pode custar caro, a Unimed Indaiatuba possui bom preço e alto índice de satisfação por quem já aderiu ao seu convênio.

Essas vantagens do plano de saúde Unimed Indaiatuba são suficientes para você contratar o serviço? Lembre-se que ela faz parte de uma das maiores redes de medicina do Brasil e possui os mesmos benefícios dos planos de saúde Unimed.

 

Motos Honda: como ver os valores na tabela FIPE

A tabela FIPE é um site onde as pessoas podem consultar valores médios praticados por vendedores de veículos no mercado nacional.

Apesar de servir apenas como parâmetro para negociações, consultar tabela FIPE motos Honda ajuda a avaliar os preços de compra e venda de veículos, e assim, evitar pagar um valor muito acima do mercado.

Porém, há quem não saiba como fazer a consulta dos valores das motos Honda pela tabela FIPE. Neste artigo, vamos explicar o passo a passo de como ver os preços médios da sua moto. Acompanhe!

Preços das motos Honda na tabela FIPE

Para consultar os valores, entre no site Tabela FIPE Motos Honda

Assim que a página abre, você encontra um formulário para preenchimento. Informe os seguintes dados:

  • tipo de veículo;
  • marca do veículo;
  • modelo do veículo;
  • ano modelo.

Em seguida, clique em “buscar veículo”. Na página seguinte você verá os valores médios das motos Honda ao longo dos últimos 12 meses.

Exemplo de consulta na tabela FIPE motos Honda

Para não ficar nenhuma dúvida, selecionamos dois modelos de motos da marca Honda para você entender como funciona a consulta na tabela Fipe. Vejamos:

Moto Honda Cg 150

  • Mês da consulta: Tabela Fipe de maio de 2019
  • Código Fipe: 811093-0
  • Marca: HONDA
  • Modelo: CG 150 TITAN Esd Mix Flex
  • Ano Modelo: 2015
  • Combustível: gasolina
  • Preço Médio: R$ 7.694,00

Moto Honda Cg 160

  • Mês da consulta: Tabela Fipe de maio de 2019
  • Código Fipe: 811142-1
  • Marca: HONDA
  • Modelo: CG 160 Cargo
  • Ano Modelo: 2019
  • Combustível: gasolina
  • Preço Médio: R$ 9.215,00

Lembre-se que os valores das motos Honda na tabela FIPE servem apenas como parâmetro na hora de negociar.

Os preços que são realmente cobrados variam de acordo com a região, conservação do veículo, acessórios, cor ou qualquer outro fator que possa ser decisivo na hora de precificar o automóvel.

Empréstimo: Como pedir empréstimo Fácil

Em uma emergência financeira, conseguir um empréstimo de forma fácil e rápido pode fazer toda a diferença, mesmo que não seja o melhor negócio.

Muitas vezes, quando estamos com a condição financeira apertada, é normal conseguir condições de crédito pouco favoráveis, mas isto ainda serve como ajuda.

Assim, se você está precisando de dinheiro rápido, veja como pedir um empréstimo de forma fácil.

Que tipos de empréstimos são possíveis pedir?

Hoje há diversos tipos de empréstimos disponíveis no mercado, como:

  • Consignado
  • Crédito pessoal
  • Cheque especial
  • Rotativo do cartão de crédito

Porém, mesmo quem está precisando muito de um empréstimo fácil, deve fugir das opções que cobram juros muito alto, como o cheque especial e rotativo do cartão de crédito.

A melhor alternativa para fugir dos juros altos, é o consignado, cujas parcelas são descontadas diretamente do pagamento, mas esta opção não está disponível para todos.

Para solicitar um consignado é preciso que uma instituição financeira tenha convênio com sua empresa ou que você possua algum benefício do INSS.

Caso o consignado não esteja disponível para você, outra opção de empréstimo fácil é o crédito pessoal.

Quem pode oferecer um empréstimo fácil?

Quem precisa de um empréstimo fácil, possui duas opções:

  1. Procurar o banco em que possui conta corrente
  2. Pesquisar um empréstimo pessoal online

Há empresas que oferecem a contratação do empréstimo pela internet e prometem mais facilidade e rapidez.

O empréstimo online é uma boa opção?

Sim, já que o empréstimo online é uma solução perfeita para quem precisa de dinheiro de forma rápida e fácil.

As taxas nesta modalidade são maiores que o consignado, mas, pode ser a solução para quem não consegue solicita-lo.

O empréstimo online pode ser solicitado pela Internet e, em alguns casos, por meio de caixas eletrônicos e até mesmo telefone.

São muitas as opções para quem precisa de um empréstimo fácil, mas, para ter uma vida financeira saudável, é preciso recorrer a esta solução apenas em último caso.

Passei na faculdade, e agora?

passei na faculdade

passei na faculdade

Na vida de um estudante existe diversas etapas a serem seguidas, primeiramente, concluir o jardim da infância, fundamental I e II, médio e por fim faculdade.

Bem sabemos que em todas transições sabemos que iremos ter o apoio da instituição de ensino que nos acolheram nos demais anos, além disso, já sabemos as etapas que devemos seguir e a meta que estamos almejando.

Todavia, quando passamos na faculdade nossa primeira meta é concluir o curso, lógico, todavia, devemos saber que não somos mais crianças e precisamos seguir nossas vidas em concilio com os estudos.

Então, surge-nos diversas indagações em nossa mente, devo trabalhar? Devo procurar uma casa própria? É claro que cada caso é um caso, mas iremos mastigar para você os primeiros passos que você deve tomar para iniciar sua vida em concilio com sua faculdade, tudo bem?

Escolhas

O primeiro passo é decidir se você irá querer tentar conciliar os estudos com o trabalho ou se você irá optar por somente estudar, como fazia anteriormente.

Caso opte por isso, acredito eu que este artigo não terá um conteúdo muito relevante para você, mas sinta-se à vontade para continuar sua leitura.

Área de aptidão

Escolhas feitas? Pois bem, está na hora de você escolher uma área para buscar estágios, ou simplesmente, para conseguir seu primeiro emprego e obter uma renda fixa mediana.

Embora seu emprego não seja na área adequada ou preferível para você, qualquer renda extra para o universitário é válida, pois o que eles gastam com impressões…

Tempo

É óbvio que uma faculdade irá exigir um tempo maior de preparo e de foco, todavia, você precisa aprender dividir seu tempo com sua faculdade, seu trabalho e seu tempo livre.

Além disso, nos próximos tópicos iremos indicar um dos passos mais importantes que você deve realizar que irá cobrir dois tópicos, incluindo este.

E o principal, sempre opte por empregos que sejam no contra turno de sua faculdade, para que você consiga conciliar muito bem ambos.

Conta universitária

Agora, você já é considerado um universitário de verdade! Com certeza está na hora correta de você criar sua conta universitária, conta esta que irá lhe dar diversos direitos e benefícios.

Além disso, ela irá lhe conceder diversas funcionalidades e funciona tanto como cartão de crédito como cartão de débito, entre no site pc-ebooks e veja tudo sobre as contas universitárias e qual o melhor banco de escolha.

 

Mão na massa

De primeira, isso é o ponta pé inicial que você precisa dar para começar sua vida universitária com nitidez e segurança, todavia, não adianta você articular tudo acima e não colocar em prática.

É lógico que é preciso muito mais cautela e informações sobre sua vida pós ensino médio, todavia, a partir do que você leu aqui, você irá criar uma base e você mesmo irá começar escolher suas prioridades e formular uma rotina bem bacana para você.

Caso o segundo tópico falhe e você não consiga um emprego, não esquenta, enquanto você procura dê um foco a mais a sua faculdade, para que assim mais na frente quando você conseguir um trampo, você possa deixar a faculdade mais de lado pois você já está por dentro de tudo.